...

Campina Grande - PB

Suspeito de tráfico de drogas é preso em Campina Grande

29/11/2016

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão a Entorpecente (DRE) de Campina Grande, cumpriu na manhã desta terça feira (29) o mandado de prisão preventiva expedido pelo Juízo da Vara de Entorpecentes contra Alberto Araújo Felix, 31 anos.

Ele é investigado pelo crime de tráfico de drogas. A polícia chegou até o suspeito quando estava investigando uma informação repassada para o número 197 Disque Denúncia da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social (Seds).

“Nossa equipe já estava investigando a ligação de Alberto com a venda de entorpecentes na cidade, inclusive uma busca feita no sistema da Justiça mostrou que ele tinha um mandado de prisão em aberto. Depois da denuncia anônima, conseguimos encontrar o endereço do suspeito, montamos uma campana na rua e, quando Alberto saiu de casa na manhã de hoje para comprar pão, foi surpreendido pelos policiais”, contou o delegado de Repressão a Entorpecentes, Ramirez São Pedro.

Foto: Secom/PB

Foto: Secom/PB

Foram realizadas buscas na residência do suspeito, que fica no bairro Santo Antônio, na zona Leste de Campina, e também no veículo que ele estava, mas os policiais não encontraram drogas.

Alberto é irmão de um dos maiores traficantes de entorpecentes de Campina Grande, Andriz Araújo Felix.

Ele cumpre pena na Penitenciária João Bosco Carneiro, o P1, em João Pessoa. Os levantamentos realizados mostram que Alberto seria o responsável por ‘administrar’ os pontos de vendas de drogas do irmão.

Em 2014, Alberto foi condenado pela Justiça a cumprir 15 anos de prisão por homicídio e em novembro de 2015 ele foi preso durante uma operação realizada pela Polícia Federal na cidade de Campina Grande, que teve como objetivo desarticular grupos criminosos responsáveis pelo tráfico de drogas na Região.

Na tarde desta terça-feira, Alberto Araújo Felix foi apresentado ao Juiz da Vara de Entorpecentes, que expediu o mandado de prisão preventiva contra ele. Se não for liberado durante a audiência, Alberto será encaminhado para o Presídio do Serrotão.

FONTE: Da Redação com Secom/PB

Veja também

Comentários