...

Campina Grande - PB

Manoel Jr: transparência e eficiência marcarão a segunda gestão de Cartaxo

05/01/2017 às 22:49

Fonte: Da Redação de João Pessoa (Hacéldama Borba)

Para o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior (PMDB) a transparência nos gastos públicos e eficiência na administração são dois temas que marcarão a segunda gestão do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), enquanto que a primeira foram a revitalização de espaços importantes da cidade, a exemplo da Lagoa do Parque Solon de Lucena, Praça da Independência e a entrega de UPAS e moradias para a população.

Segundo ele, a eficiência está pautada em qualquer setor desde a escolha dos secretários para comandarem as Pastas administrativas da Prefeitura e ele citou como exemplo, a permanência de Carlos Batinga na Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana (Semob-JP), que disse ser um dos melhores técnicos sobre esse assunto no país. “Todo mundo elogia Batinga porque é um técnico extremamente competente”, disse.

Conforme o vice-prefeito, para o setor de Mobilidade Urbana estão reservados recursos da ordem de R$ 140 milhões, provenientes de emendas impositivas para a construção de pontes, viadutos, asfaltamento, calçamento de ruas em diversas áreas da cidade cujos bairros já estão saneados, mas ainda não há calçamento.

“Então, a eficiência e a transparência dos gastos públicos são sem dúvida nenhuma a marca que vamos buscar em todos os setores da administração municipal sejam na saúde, educação, mobilidade urbana, habitação e outras”, disse.

Quanto a abrir parcerias com o governo do Estado, Manoel Júnior disse que isso é uma coisa necessária em qualquer governo. Não é fato de serem adversários políticos, que não haverá diálogo com o governador Ricardo Coutinho (PSB) no sentido de solicitar ajuda e parcerias.

“Seria a mesma parceria que Ricardo Coutinho tem recebido do presidente Michel Temer de quem ele é adversário. Ele fala de Temer, mas recentemente recebeu recursos para a conclusão de obras e para o andamento de outras obras”, destacou.

Outro fato lembrado pelo vice-prefeito foi sobre a repatriação de recursos, projeto que saiu da Comissão Especial da qual foi relator ainda como deputado federal, que salvou os municípios e Estados, incluindo Paraíba, que foi beneficiada com quase R$ 370 milhões. “Foram recursos significativos que ajudaram os gestores a cumprirem com as sua obrigações neste final de ano”, destacou.

 

Veja também

Comentários