...

Campina Grande - PB

Laboratório recomenda tratamento mais eficaz para eliminar cianotoxinas de Boqueirão

23/11/2016

O secretário de Agricultura de Campina Grande, Fábio Agra Medeiros, revelou nessa terça-feira (22) que recebeu um email com várias análises da água do Açude Epitácio Pessoa, localizado na cidade de Boqueirão, que foram feitas pelo Laboratório de Ecologia Aquática da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB).

Foto: Codecom/CG

Foto: Codecom/CG

Agra disse estar preocupado porque todas as providências referentes à análise da água do manancial foram tomadas através de denúncias, que colaboraram para o Ministério Público obrigar a Cagepa e órgãos competentes melhorarem as análises e tratamento da água.

Conforme análises do laboratório da UEPB, foi recomendado um tratamento mais eficaz.

– Todas as análises aparecem níveis elevados não só no açude, mas na estação de tratamento de Gravatá. No reservatório, os níveis estão acima e após o tratamento há uma diminuição das cianobactérias. Pelo laudo aqui diz que os níveis estão abaixo do que a portaria do Ministério da Saúde diz. Contudo, recomenda-se um tratamento mais eficaz para se eliminar por completo o risco dessas cianotoxinas. Não podemos passar um dia sequer sem tomar cuidado. A pergunta é: ainda é possível beber essa água? É preciso que a Cagepa compre equipamentos em quantidade para remover cianotoxinas da água. As toxinas podem ser liberadas dentro do nosso corpo e pode dar hemorragia, fora alergias – revelou.

*As informações foram veiculadas na Rádio Caturité AM. 

FONTE: Da Redação*

Veja também

Comentários