...

Campina Grande - PB

Gervásio Maia refuta quebra de acordo entre Galdino sobre a presidência da ALPB

11/10/2016 às 16:32

Fonte: Da Redação de João Pessoa*

O deputado Gervásio Maia (PSB), refutou os boatos que de o atual presidente da Assembleia Legislativa, Adriano Galdino (PSB) poderia quebrar o acordo da eleição da Mesa Diretora da Casa, por conta do insucesso sofrido nas eleições municipais do último domingo( 02), quando concorreu pela disputa da Prefeitura Municipal de Campina Grande.

Galdino também sofreu derrota no município de Pocinhos, onde teve a mulher na disputa pela prefeitura e, agora sairá da presidência do Poder Legislativo.

É que Gervásio Maia será o próximo deputado a presidir a Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, em 2017, segundo biênio legislativo, fruto de um acordo entre os deputados da base aliada do governo para eleger Galdino à presidência da Casa.

No primeiro biênio (2015/2016), ficaria com Galdino e o segundo biênio (2017/2018), com Maia, dividindo assim, a presidência do Poder Legislativa entre parlamentares do PSB.

Foto: Paraíbaonline

Foto: Paraíbaonline

Para Gervásio Maia, é difícil chegar a um autor desse tipo de boato e explicou que o que foi celebrado no final de 2014 foi uma quebra de uma tradição que não era boa para o Poder Legislativo.

“Nós conseguimos permitir que a situação e oposição se revezassem em lugares estratégicos da Mesa Diretora fazendo com que a maior parte dos deputados pudesse participar do funcionamento da Casa”, ressaltou.

Segundo o deputado, a alternância foi um avanço muito positivo, mas os adversários ficam torcendo e pensando pequeno.  

Maia revelou  que tem conversado com Galdino e discutido projetos para o futuro da Paraíba, as eleições de 2018 e a própria transição da gestão administrativa.

“Esse pessoal que teve a oportunidade de trabalhar e não trabalhou fica com essa política de pouca visão que não se encaixa na nossa. Estamos ocupados com coisas importantes na Paraíba. Nós estamos procurando dar aquela contribuição que os paraibanos exigem e desejam”, disse.

O deputado destacou ainda que ao invés de inventarem boatos, a bancada federal deveria brigar era para liberar recursos para as obras de construção do Viaduto do Geisel.

“Por que essa turminha está calada? Mas em 2018 eles estarão nos palanques dizendo que amam João Pessoa. Essa política está fora de moda, tem gente que ainda não entendeu isso ainda. Nós não vamos perder nosso tempo com coisas pequenas. Nosso grupo é muito unido, não só dentro do PSB, mas entre os nossos aliados”, completou.

Veja também

Comentários