...

Campina Grande - PB

Deputado paraibano retorna de Israel após missão internacional

21/11/2016

O vice-líder do PSD na Câmara Federal, deputado Rômulo Gouveia (PB), retornou de Israel neste início de semana e já está em Brasília para as atividades no Congresso Nacional.

Gouveia passou a última semana representando o Brasil na 4ª Conferência Internacional de Segurança que reuniu autoridades do mundo inteiro para discutir o tema.

Rômulo apresentou na Conferência o projeto para Implantação do Centro de Comando e Controle (CCC) de João Pessoa. O projeto foi desenvolvido na Prefeitura de João Pessoa e selecionado para o Programa Cidades Inteligentes do Ministério da Ciência, Tecnologia e Comunicações.

As ‘Cidades Inteligentes’ são municípios com práticas que reforcem a sustentabilidade, aliada ao uso de tecnologias que promovam a solução dos maiores problemas urbanos, que podem ir desde congestionamentos às recentes crises hídrica e energética.

Ao mesmo tempo, esses recursos precisam ser acessíveis à população, de forma que os cidadãos participem dos processos que contribuam para as mudanças benéficas.

romulo2

Foto: Ascom

Gouveia também se reuniu com o secretário-geral de Israel para Relações Exteriores com América Latina, Modi Ephraim, e discutiu a cooperação de Israel com o Brasil para questão hídrica brasileira.

Rômulo é coordenador da Comissão Especial de Acompanhamento da Crise Hídrica em Campina Grande-PB e relator da Comissão de Acompanhamento da Transposição do Rio São Francisco.

O deputado também se encontrou com Vítor Lewitus. Ele é presidente da Ionization, companhia de Israel que desenvolve projetos de captação de água em Israel e na China.

A intenção do deputado é saber se há viabilidade de adotar os modelos de solução para crise hídrica em Israel no Brasil, que além da seca do Nordeste, também tem registrado problemas no sul do país.

O parlamentar paraibano ainda conheceu o parlamento israelense, se reuniu com deputados locais e em Jerusalém esteve com o prefeito da cidade, Joseph Bem David.

FONTE: Da Redação com Ascom

Veja também

Comentários