...

Campina Grande - PB

Dalton: parceria com o Lions resultará no maior hospital de oftalmologia da PB

07/11/2016

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonline

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonline

Após ressaltar a qualidade do atendimento em oftalmologia oferecido pela Faculdade de Ciências Médicas de Campina Grande (FCM) à população carente de Campina Grande, o presidente da Unifacisa/Cesed, Dalton Gadelha, falou sobre a parceria firmada com o Lions Clube para conclusão das obras do Hospital de Olhos, localizado no bairro de Mangabeira, um dos mais populosos de João Pessoa.

A construção da unidade, até então executada pelo Lions Clube através do Instituto de Olhos da Paraíba, está 90% concluída.

Com a formalização do convênio, caberá à Facisa a conclusão do serviço, a aquisição de equipamentos e a oferta de residentes na área de oftalmologia para atuar no hospital.

– Nós temos um prazo de 18 meses para colocar o hospital em funcionamento, mas eu não quero utilizar esse prazo todo. Com segurança absoluta, em oito meses nós estaremos com a maior estrutura de hospital de oftalmologia da Paraíba funcionando lá em Mangabeira, graças a essa parceria extraordinária com o Lions Clube, que é uma instituição internacional respeitadíssima e que tem uma atenção especial com essa questão da visão – ressaltou Dalton.

Além de oferecer gratuitamente os serviços, que vão da consulta à realização de cirurgias, o convênio entre as instituições para conclusão do hospital vai possibilitar à FCM o aumento do número de vagas para residência em oftalmologia, que passará de três para seis no próximo ano.

“Acho que essa é uma parceria muito importante para o Estado. A Facisa hoje é uma instituição que tem os melhores serviços nessa área em nossa clínica escola, no Hospital da Visão e agora em João Pessoa através da parceria com o Lions Clube”, acrescentou Dalton.

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonline

Foto: Leonardo Silva/Paraibaonline

Ainda falando sobre a atuação da FCM na área de oftalmologia, Gadelha recordou que os serviços oferecidos gratuitamente à população carente de Campina Grande não deixam a desejar em relação ao atendimento oferecido pelo setor privado, padrão de excelência que norteia todos os serviços oferecidos pela Unifacisa.

– É importante salientar que somente a Faculdade de Ciências Médicas de Campina Grande oferece transplante de córnea e atendimento de urgência em oftalmologia. Se você tiver recursos ou bons planos de saúde, você não terá atendimento de urgência em oftalmologia, mas a população mais carente tem o serviço da FCM à disposição 24h em parceria com os hospitais de Trauma de Campina Grande e João Pessoa – pontuou o médico e diretor da Facisa/FCM/Cesed.

TRANSFORMAÇÃO SOCIAL

Além de contribuir para a formação de novos e preparados profissionais, o presidente da Unifacisa acredita que as parcerias firmadas pela instituição seguem uma tendência nacional, que unindo a academia com instituições públicas ou privadas, está promovendo transformações sociais.

– Começamos a mostrar que a parceria público-privada no setor médico é uma coisa mais do que viável, ela é inevitável. Hoje os ministérios da Saúde e Educação estão aceitando isso como uma coisa mais do que real; é uma necessidade da sociedade brasileira. Podem escrever: em cinco anos todas as instituições de ensino superior relacionadas com saúde vão estar envolvidas em projetos dessa natureza – argumentou o empresário, ao destacar que “Campina Grande sai, mais uma vez, na frente desse processo, que vai ser inovador”.

Por fim, o presidente da Unifacisa declarou que “para nós, trabalhar para fazer justiça social é uma questão central. Acho que poucas instituições no Brasil têm uma preocupação tão grande com o social como a nossa. Poder realizar um projeto dessa natureza me deixa feliz”, finalizou Dalton Gadelha.

FONTE: Da Redação (Déborah Souza)

Veja também

Comentários